Carros

Carros de leilão: fique por dentro das vantagens e desvantagens

Escrito por Fabricio Valente

Existem motivos diversos para optar pela aquisição de veículos em leilão. No entanto, vantagens e desvantagens de carros de leilão devem ser avaliadas para assegurar um bom negócio.

Nesse sentido, não se pode apenas considerar o preço menor, mas os problemas que costumam estar envolvidos com o veículo e deverão ser solucionados. Por sua vez, há negócios com carros que apresentaram perda total em acidente.

Continue a leitura e fique por dentro das vantagens e desvantagens de carros de leilão.

O que são carros de leilão?

São veículos quase sempre tomados dos respectivos proprietários por algum motivo ou carros de seguradoras, sinistrados (acidentados) com perda total. Assim, suas diversas origens podem ser relacionadas a:

  • financiamentos: veículos inicialmente dados em garantia para financiamentos e, posteriormente, tomados pela financeira, em razão de não pagamento;
  • ordem judicial: carros penhorados pela justiça para pagamento de dívida, pensão ou similar;
  • renovação de frota: veículos usados, leiloados por grandes empresas para a renovação da frota;
  • montadora/concessionária: carros novos com pequenos danos (arranhões, amassados) provocados durante o transporte para a concessionária, por exemplo.

Esses veículos geralmente têm alguns atrativos que motivam a procura. Porém, é preciso considerar os riscos envolvidos na sua aquisição, uma vez que, além das vantagens, alguns pontos desfavoráveis fazem parte do pacote.

Quais são as vantagens da aquisição em leilão?

Um dos benefícios que constitui o principal atrativo para a aquisição de carros em leilão é o preço. De maneira geral, esses carros têm uma redução de cerca de 30%, podendo chegar a 50% ou mais do valor de mercado.

Outro ponto positivo é a quitação das dívidas de multas e do imposto sobre propriedade de veículo automotor (IPVA). Desse modo, o preço pago pelo carro no leilão já inclui a quitação desses débitos que, por acaso, existam.

No entanto, a última vantagem só é assegurada em veículos colocados em leilão por determinação judicial ou pelos órgãos de trânsito. No caso de seguradoras, locadoras ou montadoras, é possível que esses custos tenham que ser arcados pelo arrematador (comprador).

Quais são as desvantagens?

Para que seja vantajosa a aquisição de carros em leilão, é preciso verificar com cuidado as condições do veículo. Como visto, existem carros com perda total em acidente, assim como modelos utilizados em ações criminosas e que acabam indo a leilão.

Por essa razão, o cuidado em verificar o histórico do carro e providenciar sua regularização é um incômodo que deve ser absorvido pelo comprador. Trata-se de uma prática de segurança e envolve uma boa revisão em todo o veículo.

Outra desvantagem do leilão é a forma de pagamento. Nesse caso, a aquisição precisa ser à vista, quase que no ato da compra.

Por sua vez, algumas seguradoras se recusam a fazer seguro de carro adquirido em leilão. Embora o motivo para tal deva ser formalmente comunicado ao interessado, é uma dificuldade a mais que pode ser enfrentada.

E a maior desvantagem na minha opinião, é a dificuldade de vender esse tipo de carro. Mesmo com preços mais atrativos, não são todas as pessoas que estão dispostas a comprar um carro que tenha esse tipo de histórico, exatamente pela dificuldade de aceitação na hora de fazer o seguro.

Então vela pensar nisso também, pois pode até ser bom na hora de comprar, pelo preço menor, porém a dificuldade de se fazer um seguro e também na hora de vender, tem que ser levada em conta antes de comprar esse tipo de carro.

Assim, pesando as vantagens e desvantagens de carros de leilão, é preciso avaliar todas as variáveis envolvidas para identificar quando a oportunidade pode se tornar um bom negócio.

Gostou deste post? Certamente você vai se interessar pelo conteúdo que explica como fazer seguro para carros antigos. Boa leitura!

Sobre o autor

Fabricio Valente

Publicitário, Empreendedor, Corretor de Seguros e Sócio Proprietário da Valente Seguros. Atua no mercado de seguros há mais de 20 anos prestando consultoria em seguros para pessoas físicas e jurídicas.

Deixar comentário.

Share This