Carros

Roubo de rodas do carro: o seguro cobre? Descubra!

Escrito por Fabricio Valente

Ter as rodas roubadas é um dos piores imprevistos que pode acontecer ao proprietário de um veículo, quando ele retorna do trabalho ou lazer e se depara com a situação inconveniente. É nesse momento que você pensa: e agora? Como devo proceder? Será que o seguro vai cobrir?

Felizmente, existe uma resposta para todas essas dúvidas, e nós elaboramos este texto para ajudá-lo a superar esse episódio difícil no seu dia a dia. Para tanto, reunimos as melhores dicas de como proceder nessa situação, além de informar se o seu seguro pode ou não cobrir o ocorrido. Sem mais demoras, acompanhe!

Como reagir a esse momento?

Imprevistos acontecem: essa é uma verdade inevitável ao cotidiano de qualquer pessoa! Mas para todos os efeitos, digamos que isso tenha acontecido com você. Nesse caso, confira as melhores condutas para reagir a essa situação!

Mantenha a calma

Apesar de toda a adrenalina e frustração, será fundamental que você mantenha a cabeça no lugar. Afinal de contas, você foi a vítima de um crime, e precisa se manter lúcido para coletar informações e relatar o ocorrido com a maior quantidade de detalhes possível, pois isso poderá agilizar sua defesa.

Chame o guincho do seu seguro

Sem as rodas, o carro torna-se um peso metálico sem nenhuma utilidade, certo? O primeiro passo então é saber qual é a sua seguradora, para entrar em contato com o serviço de assistência 24hs.

Ao falar com a central do seu seguro, é de extrema importância informar quantas rodas foram roubadas,  para que o guincho traga a quantidade de rodas suficientes para montar no seu carro e colocá-lo na plataforma, caso contrário será impossível movimentá-lo.

Outra dica importante é que se a ocorrência aconteceu em horário comercial, que você direcione seu veículo diretamente para uma oficina especializada para fazer a instalação das novas rodas, seja pelo seguro ou de forma particular, pois o socorrista precisará retirar as rodas que foram colocadas de forma emergencial.

Na situação em que o furto tenha ocorrido nos finais de semana ou fora do horário comercial, a própria seguradora orientará você a levar o carro para uma base segura, para que no próximo dia útil, seja encaminhado para a oficina escolhida.

Agora, exceto se você queira deixar seu carro largado na rua, nunca encaminhe seu veículo para sua casa, pois dificilmente a seguradora liberará outro guincho para o mesmo evento.

Registre o boletim de ocorrência

Mesmo que não saiba se o seu seguro cobrirá o episódio ou não, registre o Boletim de Ocorrência. Esse documento atesta judicialmente o seu relato, e terá um papel fundamental para conseguir sua reparação, seja por meio da apólice de seguro ou ao exigir a responsabilização do ambiente no qual seu veículo estava estacionado.

Para esse tipo de ocorrência (furto), você consegue fazer o B.O pela internet através da Delegacia Eletrônica da Polícia Civil. (Aqui)

Todas as apólices cobrem rodas roubadas?

Antes de responder essa pergunta, precisamos dar um passo para trás, pois indiferente a cobertura do seguro, você precisa avaliar a circunstância do ocorrido.

Por exemplo, caso as suas rodas tenham sido roubadas dentro de um estacionamento pago e/ou com controle de entrada e saída — como shoppings, hipermercados, aeroportos e rodoviárias — a sua indenização será de responsabilidade total do estabelecimento.

Mas digamos que essa situação tenha acontecido na rua, em uma vaga comum e descoberta no meio de uma avenida qualquer. Nesse caso, você precisa ter a cobertura compreensiva. Esse serviço cobre o segurado no caso em que o valor de reposição das rodas seja superior ao valor da franquia do contrato.

Por fim, vale lembrar das medidas preventivas que um proprietário pode adotar para dificultar o trabalho de uma pessoa mal-intencionada, utilizando parafusos antifurtos e estacionando em ambientes fechados, protegidos e pagos, como os estacionamentos particulares.

Você gostou deste artigo detalhando como reagir na hipótese de ter as suas rodas roubadas? Então aproveite para espalhar essa informação, colaborando com a segurança dos seus amigos e familiares. Para tanto, basta compartilhar esse post nas suas redes sociais!

Sobre o autor

Fabricio Valente

Publicitário, Empreendedor, Corretor de Seguros e Sócio Proprietário da Valente Seguros. Atua no mercado de seguros há mais de 20 anos prestando consultoria em seguros para pessoas físicas e jurídicas.

Deixar comentário.

Share This