Seguro para Uber

Seguro para Uber: é preciso avisar as seguradoras que sou motorista?

Tratando-se de seguro, logo surgem as dúvidas! Quando o carro é utilizado como ferramenta de trabalho, a quantidade de questionamentos se torna ainda maior. Então é preciso que o motorista encontre informações exatas e serviços confiáveis. Afinal, o que está em jogo, além do automóvel e da própria integridade, é a sua atividade profissional.

Quando o veículo passa grande parte do tempo circulando, é necessário ainda mais protegê-lo e garantir a segurança dos passageiros e do condutor. O seguro para Uber, por exemplo, tem algumas particularidades e, exatamente por isso, separamos para você este artigo com as principais respostas. Confira!

A seguradora deve ser informada sobre minha atividade profissional?

A chegada do aplicativo no Brasil, em 2014, ofereceu aos motoristas a possibilidade de gerar renda transportando passageiros. Nesse cenário, a Uber não demorou a se popularizar e muitas pessoas passaram a dirigir profissionalmente. Para isso, e o seguro? O que devo fazer?

A utilização do carro para deslocar terceiros deve ser imediatamente informada à seguradora. Nessa situação, é possível realizar o endosso e regularizar o seguro auto para dirigir Uber. Caso o serviço ainda não tenha sido contratado, o corretor deverá ser comunicado no momento da negociação. Assim ele poderá oferecer um plano compatível com o seu perfil e evitar transtornos futuros.

A seguradora descobrirá que estou dirigindo um Uber?

Certamente! Negligenciar essa informação pode trazer sérios prejuízos. Lembre-se de que o uso do carro comercial é diferente daquele enquadrado na categoria de passeio. A seguradora poderá questionar a utilização do veículo observando, por exemplo, o modelo, a quilometragem e o estado de conservação. Os automóveis comerciais atingem quilometragens elevadas em comparação à média dos outros carros.

Diante de muitos perigos, não vale a pena omitir informações. Nem tudo está sob nosso controle, e acidentes acontecem. Suponhamos que ocorra um sinistro e seja necessário acionar o seguro. Nos casos de roubo, furto e outros imprevistos negativos, envolvendo terceiros, dificilmente será possível esconder que o carro estava sendo utilizado para transportar passageiros.

Quais são os riscos de não avisar?

Diversos sãos as ameaças de não informar a seguradora sobre o carro Uber. Você poderá perder a cobertura justamente no momento em que mais precisar. Quando a seguradora não é comunicada, a prestação de serviços pode ser suspensa. Isso quer dizer que o segurado perderá todos os seus direitos.

Nesses casos, a omissão sobre o Uber desobrigará a empresa de oferecer o reboque, reparo em casos de acidente etc. Imagine uma situação de furto, roubo ou perda total do carro. Não poder contar com o reembolso significa, sem dúvida, um grande prejuízo. Por vezes, o investimento de muitos anos de trabalho e dedicação.

O seguro para Uber é diferente do seguro normal?

Sim! Os carros conectados ao aplicativo percorrem longas quilometragens quando comparados aos de passeio. A área de circulação também é maior. Portanto, são mais suscetíveis a acidentes e roubos. Por esses e outros motivos, o seguro Uber tem valor superior aos demais. Entretanto, não pode ser dispensado.

E o transporte de passageiros? É indispensável que eles estejam assegurados e exatamente por isso é exigida a cobertura para acidentes pessoais (APP) com um valor mínimo (R$ 50 mil) por passageiro. Tal cobertura poderá ser utilizada, por exemplo, no caso de morte ou invalidez. Nessa cobertura o motorista também é segurado, pois é ele quem passa a maior parte do tempo no carro.

Exclusivamente para essa cobertura de APP (Acidentes Pessoais para os Passageiros do Veículo), a Uber fez uma parceria com a Chuub Seguradora e oferece gratuitamente para seus motoristas essa cobertura, porém apenas quando o mesmo está em viagem. Enquanto o aplicativo está desligado, ou ligado, porém rodando sem passageiros, a cobertura dessa apólice fica sem validade.

É importante destacar que essa cobertura de App que a Uber oferece, garante indenização apenas para casos de morte e invalidez dos passageiros o do motorista em caso de acidentes durante uma viagem do aplicativo Uber. Para os demais riscos, como roubo, furto, incêndio, danos à terceiros e ao veículo, é de responsabilidade do proprietário do carro contratar um seguro que garanta a indenização para esses eventos.

Quais as coberturas do seguro para Uber?

Os direitos do seguro para Uber serão determinados pelas escolhas do motorista e pela oferta de serviços da seguradora através do seu corretor de seguros. Como a cobertura de APP já é oferecida pela Uber durante as viagens com passageiros, caso o motorista tenha interesse em em ficar amparado, também quando não estiver viajando com passageiros, a mesma deverá ser contratada novamente como complemento.

O segurado poderá contar também com serviços 24hs de reboque, socorro mecânico, danos aos vidros, danos causados à terceiros,  indenização em em caso de furto ou roubo, etc.

As vantagens do seguro dependem do modelo de contrato firmado. Portanto, é possível optar por serviços de acordo com a sua disponibilidade financeira e perfil. Existem também benefícios como rastreamento, carro reserva e chaveiro. Converse com o seu corretor para fazer a escolha correta.

Principais dúvidas respondidas, não é mesmo?! Quer saber mais sobre o seguro para Uber? Entre em contato conosco. Será um prazer ajuda-lo!

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Share This