Vai comprar um SUV na versão PCD ? Veja os modelos mais procurados

Se você está em busca de um veículo adequado para pessoas com deficiência (PCDs), os SUVs podem ser a melhor opção. Esses carros contam com bom espaço interno e porta-malas bastante amplo, o que é ideal para acomodar uma cadeira de rodas ou um andador, por exemplo.

A legislação brasileira se adequou às pessoas que necessitam de condições especiais para retirar a CNH e comprar carros sem impostos. Assim, desde 1995, existe uma Lei que possibilita o abatimento do IOF, IPI, ICMS e IPVA na compra de veículos por PCDs.

Atualmente, o benefício também é concedido a familiares e idosos com restrições físicas. Porém, é necessário apresentar um laudo médico, a avaliação do DETRAN e a CNH especial para tal. Agravos como escoliose acentuada, hepatite C, Síndrome de Down e ausência ou amputação de membros também dão direito à dedução.

Quer saber quais são os principais modelos desse segmento disponíveis para pessoas com deficiência? Acompanhe este post e tire todas as suas dúvidas sobre o SUV PCD!

Principais modelos SUV PCD

Para que um veículo seja adquirido livre de impostos, ele deve ser fabricado no Brasil e não ultrapassar o valor de R$ 70 mil. Felizmente, o setor automobilístico oferece diversas possibilidades e, para acertar na escolha, é preciso conhecer as versões e tendências. Conheça a seguir as mais procuradas!

Nissan Kicks Active 1.6

Foto Reprodução

O Kicks, da montadora japonesa Nissan, está entre as opções mais vendidas. Reconhecida pela durabilidade dos seus veículos, a Nissan aproveitou os Jogos Olímpicos do Rio para lançar o modelo. Na ocasião, ele ainda não era produzido em território nacional, o que mudou a partir da versão 2019.

Com excelente aceitação no mercado e com uma ótima lista de itens de série, o modelo é um dos preferidos para quem vai comprar um SUV com a isenção de impostos, tendo finalmente ganhado piloto automático em seu modelo 2020. A direção facilitada pelos dispositivos, o interior agradável e o conforto são algumas das vantagens.

Jeep Renegade 1.8

Foto Reprodução

Lançado em 2014, o crossover subcompacto fabricado pela Jeep está ganhando cada vez mais espaço no mercado brasileiro. O Renegade está entre os cinco SUVs mais vendidos, sendo o único da fabricante que oferece exclusividade para as pessoas com deficiência. Sua versão exclusiva é equipada com motor 1.8 E.torQ Evo Flex (139 cv) e câmbio de seis velocidades.

O Renegade ainda oferece computador de bordo, controle de estabilidade e tração, freio eletrônico de estacionamento, start-stop e assistente de partidas em rampas. A Jeep investiu nos itens de conforto e, por isso, ganha destaque na categoria. O projeto estável e seguro também é um diferencial.

Hyundai Creta Attitude 1.6

Foto Reprodução

O SUV da empresa sul-coreana também é um dos carros de produção nacional. Embora o Creta não tenha sido pensado exclusivamente para PCDs, foi criado um modelo exclusivo para essa categoria, com motor 1.6 e câmbio automático de 6 velocidades.

Em 2018, a versão PCD do Creta apresentou mudanças internas e externas. A partir desse ano, para adequar ao teto de R$ 70 mil, a montadora tirou itens como rodas de liga leve (agora o modelo vem com calotas), faróis de milha, banco de couro, rádio e até a forração de carpete. Um kit com esses acessórios (rodas, carpetes, central multimídia e banco de couro) não sai por menos de R$ 8 mil se comprados à parte.

Já em 2020, foi a vez desse SUV PCD perder outros itens para se encaixar no limite de isenção, como equipamentos estéticos, tampa do compartimento do porta-malas, alto falantes traseiros e sistema start-stop.

Além de itens comuns aos demais, ela conta com acessórios de segurança como Isofix e airbags, retrovisores com ajuste elétrico e volante com ajuste de profundidade e altura. O grande diferencial do modelo, entretanto, é o seu visual arrojado, assim como sua longa garantia de cinco anos, ao contrário de outros modelos, que oferecem apenas três.

Citroen C4 Cactus Feel  Bussines 1.6

Foto Reprodução

Desenvolvido pela montadora francesa, o Citroen C4 Cactus destinado às pessoas com deficiências (versão Feel Business Auto6) custa cerca de R$ 55 mil. É um dos herdeiros do C3 e C4, tendo sido lançado na temporada 2018/2019. Assim como o Creta, seu diferencial é a estética não convencional, com conjunto ótico dividido em três partes.

Com motorização aspirada 1.6 (115 e 118 cv), o Cactus vem equipado com assistente variável na direção elétrica, computador de bordo com aferição de temperatura externa, central multimídia de 7” Android Auto e Appe Car Play e outros equipamentos de série.

Volkswagen T-Cross Sense 200 TSI PCD

Foto Reprodução

O VW T-Cross é o mais recente modelo a entrar no segmento SUV PCD 2020 e com certeza, tem força para liderar o segmento. O modelo T-Cross Sense 200 TSI – exclusivo para o público PCD – vem equipado com o moderno e econômico motor 1.0 200 TSI Turbo, que rende até 128 cv no etanol e ainda conta com o mais completo pacote de equipamentos, sendo o único modelo da categoria PCD, que conta com seis airbags.

Além desse grande diferencial de segurança, ele conta ainda com rodas de liga leve de 16 polegadas, central multimídia, as primeiras 3 revisões grátis e muitos outros acessórios, todos já como itens de série.

Porém, para ficar no teto dos R$ 70mil, vale destacar que a marca alemã teve que retirar alguns equipamentos comparados com a versão de entrada do modelo tradicional, são eles: piloto automático, sensores de estacionamento traseiros, suporte para celular, descansa-braço central com porta-objetos, saídas do ar-condicionado e duas tomadas USB para o banco traseiro e ainda o tampão do porta-malas.

Mesmo perdendo alguns itens, o modelo ainda se destaca pela relação custo x benefício e tem tudo para se tornar o líder de vendas da categoria SUV PCD em 2020.

Ford Ecosport SE Direct 1.5

Foto Reprodução

Com o melhor peso/potência da categoria, de 9,16 kg/cv, o Ecosport conta com motor 1.5 que rende 137 cv. Entre seus equipamentos, chamam atenção a direção elétrica, ESP, volante multifuncional, Hill Holder e, na versão 2020, a central multimídia de 7 polegadas, compatível com Apple Car Play e Android Auto.

Apesar do porta-malas pequeno, de apenas 362 litros, o modelo conta com um volante que pode ser ajustado tanto em altura quanto profundidade, com acabamento acima da média. No entanto, seu grande diferencial fica por conta do conjunto mecânico, que oferece segurança em retomadas e acelerações.

SUV PCD: Comparativo Completo

Montamos uma planilha comparativa completa com todos os itens relevantes para ajudar você a tomar a melhor decisão ao comprar seu SUV na versão PCD. Confira:

Clique na planilha comparativa para ampliar:

O mercado de SUV no Brasil

Fizemos um levantamento dos modelos SUVs mais vendidos ao longo de 2019 no Brasil, de acordo com informações da Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores (Fenabrave).

O destaque do ranking fica por conta do Jeep Renegade, que alcançou o primeiro lugar e contou com uma participação de cerca de 11% nas vendas. Não podemos deixar de mencionar também o T-Cross, que foi lançado apenas em fevereiro de 2019 e registrou um alto volume de vendas no ano, chegando à 6ª posição e uma participação de 6,18% no setor. Veja a lista completa:

1º) Jeep Renegade — 68.726 unidades

2º) Jeep Compass — 60.361 unidades

4º) Hyundai Creta — 57.460 unidades

3º) Nissan Kicks — 56.060 unidades

5º) Honda HR-V — 49.488 unidades

6º) Volkswagen T-Cross — 37.081 unidades

6º) Ford Ecosport — 34.205 unidades

7º) Renault Captur — 28.660 unidades

8º) Renault Duster — 26.090 unidades

11º) Citroën C4 Cactus — 16.438 unidades

Nesse ranking, estão os principais modelos SUVs comercializados no Brasil em 2019, mesmo os que não se enquadram no limite do PCD. Esse ranking é um grande parâmetro dos modelos que possuem maior procura e que, consequentemente, terão mais liquidez na hora da revenda.

Também fizemos uma pesquisa de como estão os modelos PCD que foram comprados em 2017, ou seja, há 3 anos atrás, e que agora estão indo para o mercado de revenda.

Para isso, elaboramos uma consulta comparativa na Tabela Fipe dos modelos PCD mais vendidos: Hyundai Creta e Jeep Renegade, modelos 2017 (não cotamos o Nissan Kicks pois a versão PCD da marca japonesa foi lançada apenas em 2018). Levando em conta que o Citroen Cactus ainda não estava no mercado, pesquisamos o Peugeot 2008 que, naquele ano, era vendido como concorrente similar desses modelos. Veja o resultado:

Observe que o modelo da Peugeot, mesmo com o mesmo valor de compra quando era 0 km, está quase R$ 5.000,00 mais barato que os demais. Isso, somado à sua baixa procura, ainda dificulta a venda pelo valor da Tabela Fipe.

Então, nossa dica é que você fique sempre atento ao mercado de vendas de veículos 0 km, pois ele é o melhor termômetro para determinar quais modelos sofrerão uma maior ou menor desvalorização na hora da revenda.

E como funciona o seguro para veículos PCD

Essa é uma questão que gera bastante dúvida entre os motoristas na hora da contratação. Algumas seguradoras, mesmo com o veículo comprado com isenção, indenizam 100% da Tabela Fipe e ainda ficam responsáveis por quitar os impostos. Por outro lado, outras indenizam 75% ou 80% da Fipe, também ficando responsáveis pela quitação do ICMS e do IPI.

Como estamos falando de uma diferença que pode chegar a até R$ 16 mil na sua indenização, é de extrema importância, na hora de contratar o seu seguro, consultar um corretor de confiança que saiba explicar as principais diferenças para contratar um seguro que atenda às suas necessidades e expectativas.

Quer saber qual é a seguradora que indeniza 100% da Tabela Fipe e ainda fica responsável pelas quitações dos impostos? Em nosso blog você pode encontrar um artigo com mais detalhes sobre os seguros de veículos para PCD, onde abordamos todas essas informações.

Para ler o artigo e saber qual seguradora indeniza 100% da Fipe e como funciona o seguro para veículos PCD: [Clique AQUI.]

Precisa de ajuda para tirar a sua isenção?

A Valente Seguros pode ajudar você! Somos especialistas em seguro para PCD e contamos também com uma assessoria completa e especializada no processo de compra do seu carro com isenção de impostos.

Para conhecer nossos serviços, basta acessar no botão abaixo:

Assessoria Completa PCD - Blog Valente Seguros

Por fim, comprar um carro sem impostos é uma ótima opção, pois alguns descontos podem ultrapassar os R$ 15 mil. Por isso, pesquise bastante antes de escolher o modelo e, além de ficar de olho nas características adequadas, considere o objetivo da utilização, o desejo e a sua disponibilidade financeira. Se possível, faça um test drive, pois é fundamental contar com a experiência de dirigir o carro antes de adquiri-lo.

O que achou de nosso post sobre SUV PCD? Se o que você conferiu aqui foi útil para você, ele também pode ajudar seus amigos. Por isso, não perca tempo e compartilhe-o em suas redes sociais!

Ficou com alguma dúvida ou quer saber mais?

Se ainda ficou com alguma dúvida, precisa um orçamento de seguro para seu SUV PCD ou, se precisa de assessoria para tirar a sua isenção, entre em contato com a gente:

Central de Atendimento para Seguros: (11) 4992-2632

WhatsApp: (11) 9.7153-5664

Curta nossa página no facebook.

Assessoria Completa PCD

Com certeza nós poderemos te ajudar.

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

30 Comentários

  1. Nissan Kicks É LINDO, mais Jeep Renegade é mais completa

  2. COM MAIS OPCIONAIS E MAIS BONITO , PREFIRO O JEEP RENEGADE…..SEM DUVIDA.

    1. Olá Lia, obrigado por deixar a sua opinião!:) Continue acompanhando o nosso Blog! Abraços. Fabricio Valente.

  3. Eu já possuo um veículo PCD. Quero trocar este ano. Fico na dúvida quanto ao fato consumo/preço de revenda. Alguém, entendido do assunto, pode me ajudar quanto a esse custo/benefício?

    1. Olá Claudenir, obrigado pelo seu contato! Entre em contato comigo, posso te dar algumas dicas sobre o assunto! Aguardo. Abraços. Fabricio Valente. 🙂

  4. Pretendo comprar o jeep renegade mas estou em dúvida quanto ao custo benefício falam muitas coisas negativas sobre o jeep como consumo e desvalorização vc pode me ajudar neste sentdo

    1. Olá Inês, obrigado pelo seu contato! O Jeep acabou de passar por uma atualização no modelo na versão 2019, é líder de vendas entre os SUV´S e um dos modelos mais completos e seguros entre os rivais da linha PCD, então, sobre a desvalorização, não vejo que deva se preocupar.
      Como o modelo possui o motor mais potente do comparativo, o consumo não é dos melhores, mas está dentro da média da categoria. Eu particularmente, considero o Jeep uma ótima escolha!
      Espero ter ajudado. Se quiser saber mais, me chama no WhatsApp (11) 9.7153-5664. Abraços. Fabricio Valente.

  5. O QUE VOCÊ ME DIZ DO CITROEN C4 CACTUS!

    1. Olá Felipe, obrigado pelo seu contato. Vou dar minha opinião sincera e de consumidor. O Cactus seria o último carro que eu escolheria dentro desse comparativo. E vou te dizer porque: Temos muitos clientes aqui na Valente que compraram a linha C4 da Citroen, seja o antigo C4 Pallas, e agora o atual C4 Lounge, e depois de 2 ou 4 anos, comparados com outros modelos da mesma categoria, eles são os que mais desvalorizam na hora na revenda.
      Na hora de comprar o carro novo, eles normalmente possuem os mesmos valores dos outros modelos, mas depois, na hora da revenda, a coisa muda muito por causa da baixa liquidez e pela baixa procura. Faça uma comparação você mesmo, compare um C4 Lounge 2.0 2015 e um Civic LXR 2.0 ou Corolla XEI 2.0, todos do mesmo ano, 2015. São 3 carros que tinham praticamente o mesmo valor quando eram 0km, porém hoje, Honda Civic e Toyota Corolla, possuem um valor de tabela muito maior, e são muito mais fáceis e rápidos de vender.
      Veja, como eu disse lá em cima, é a minha opinião pessoal, pois sei que existem muitos fãs dos modelos da Citroen! Hoje, para esses modelos apresentados no comparativo, o Jeep é líder de vendas, seguido do Creta e do Kicks, e nessa ordem, essas seriam as minhas escolhas!
      Espero ter ajudado e conte sempre comigo. E caso queira bater um papo sobre o assunto, estou à disposição! Abraços. Fabricio Valente

      1. Eu comprei um cactos pcd 2020 . um ótimo carro , precisa parar com essa conversa que carro francês e ruim , e meu primeiro citroen estou bastante satisfeito com o carro . renegade muito Gastão . Creta pelado . kicks idem . Eu optei por um carro completo e indicaria ..

        1. Olá Renato, obrigado pela sua opinião e pela leitura do nosso artigo. No meu ponto de vista, acredito sim que são carros bons, só digo que pela minha experiência, que são modelos que possuem uma grande desvalorização na hora da revenda pela baixa procura, onde é muito difícil vender pelo valor da Tabela Fipe! Mas parabéns pela escolha e sucesso com seu novo carro! Forte abraço. Fabricio Valente.

  6. Boa tarde Fabrício. Gostaria de agradecer o comparativo que você fez. Esstavamos precisando de algo como você fez para auxiliarmos minha mãe na decisão de compra. Excelente.. e obrigadoo!!

    1. Olá Valéria, obrigado pelo seu contato e feedback! São mensagens como a sua que me motivam a escrever cada vez mais artigos como esse. Fico muito feliz em ter ajudado vocês e sua mãe a tomar uma boa decisão. Se tiver mais dúvidas, entre em contato comigo! Forte abraço. Fabricio Valente. ?

  7. Olá, bom e muito elucidativo seu post. Me ajudou realmente decidir. Estava entre kicks x renegate e defini vendo Seu post e seus comentários. Obrigada e parabéns.

    1. Olá Marinez, obrigado pelo seu contato e feedback! Mais uma vez, fico muito feliz em saber que ajudei de alguma forma com a sua decisão. Continue acompanhando o nosso Blog. Forte abraço. Fabricio Valente. ?

  8. Olá Fabricio, muito interessante o seu comparativo! Eu optei em adquirir o C4 Cactus que para o PCD está muito mais completo para a versão 2020, custo x benefício no meu ponto de vista não tem igual e também o mais prazeroso para dirigir (fiz o test-drive em todas as opções PCD). Além do design fora dos padrões usuais para o Brasil onde todos os carros são sempre iguais. Valeu.

    1. Oi Fabio, obrigado pelo seu feedback e pela sua contribuição! Fico que feliz que tenha feito a sua escolha! Espero que goste do carro. Continue acompanhando o nosso Blog. Forte abraço! Fabricio Valente

  9. Como o cactus tem como único problema, pelo que parece, no quesito desvalorização, o fato de estar vindo no mod 2020 completíssimo, portanto não exigindo gastos de algo próximo de 10 mil reais para equipá-lo, será que por conta disso, o valor investido nele, não compensaria uma eventual desvalorização seja em dois ou quatro anos?

    1. Olá Luis, obrigado pela leitura do nosso artigo e pela sua mensagem.
      Veja, eu respeito e acho que até faz sentido o seu pensamento, pois realmente na minha opinião, a desvalorização e principalmente a falta de liquidez dos modelos da Citroen e também da Peugeot, são seus maiores problemas. Com relação à ser mais completo eu discordo um pouco, pois o “plus” do Citroen Cactus basicamente é o Multimídia e alguns requintes como ar condicionado digital, alarme e o painel digital. Mas um carro desse padrão que vem com calotas, mais uma vez, na minha opinião, não dá para chamar de completíssimo.

      Entenda que não estou aqui para defender nenhuma marca ou modelo, mas como trabalho com carros há mais de 20 anos e sou um curioso e apaixonado por esse mercado, vou dar alguns exemplos para ficar mais claro o que eu quero dizer.

      O Citroen Cactus teve seu lançamento em janeiro desse ano, então fiz um levantamento dos modelos SUVS mais vendidos do primeiro semestre de 2019.

      Fonte do Ranking: Federação dos concessionários |Fenabrave (https://www3.fenabrave.org.br:8082/plus/)

      1º) Jeep Renegade — 33.048 unidades
      2º) Jeep Compass — 28.033 unidades
      3º) Nissan Kicks — 25.826 unidades
      4º) Hyundai Creta — 24.247 unidades
      5º) Honda HR-V — 23.696 unidades
      6º) Ford Ecosport — 15.433 unidades
      7º) Renault Captur — 13.783 unidades
      8º) Renault Duster — 13.012 unidades
      9º) Chevrolet Tracker — 8.685 unidades
      10º) Volkswagen T-Cross — 7.967 unidades
      11º) Citroën C4 Cactus — 7.754 unidades

      Nesse ranking, estão todos os modelos SUVs comercializados no Brasil, mesmo os que não se enquadram no limite do PCD. Mas veja que o Citroen, fica atrás até do VW T-Cross que foi lançado apenas no fim de abril, 4 meses depois do lançamento do modelo francês.

      O que esse ranking quer dizer? Que daqui 2 anos, quando você for anunciar seu carro, por mais opcionais que ele tenha, o próprio mercado vai te punir, não só pelo preço menor, mas pela baixa procura.

      Vou dar um outro exemplo legal para você entender o meu ponto de vista: Quem fez a compra do seu SUV PCD há 2 anos, ou seja em 2017, como será que está o mercado hoje?

      Para isso, fiz uma consulta comparativa na Tabela Fipe (https://veiculos.fipe.org.br/) dos modelos PCD mais vendidos (Ref: Ago/2019), Hyundai Creta e Jeep Renegade, modelos: 2017, (Não cotei o Nissan Kicks pois a versão PCD da marca japonesa, só foi lançada em 2018) e levando em conta que o Cactus ainda não estava no mercado, pesquisei o Peugeot 2008 que também era “mais completo e mais tecnológico” e neste ano, era vendido como concorrente desses modelos. Veja o resultado:

      – Hyundai Creta 1.6 AT (PCD) 2017: Valor da Fipe: R$ 59.469,00
      – Jeep Renegade 1.8 AT (PCD) 2017: Valor da Fipe: R$ 60.021,00
      – Peugeot 2008 Allure 1.6 (PCD) 2017: Valor da Fipe: R$ 55.951,00

      Além dos quase R$ 5.000,00 de diferença dos modelos acima, comparado com o modelo francês, quem será que consegue vender seu carro mais rápido?

      Desculpe o tamanho da minha resposta e se a mesma ficou um pouco cansativa, mas estou tentando ser o mais transparente e imparcial possível, exemplificando com informações reais do mercado o que eu quero dizer, quando digo que o Citroen seria minha última escolha nesse comparativo.
      E mais uma vez, eu entendo que o Citroen seja um ótimo carro, mas levando em conta todos esses dados e pela minha experiência, que converso com consumidores de carros todos os dias há pelo menos 20 anos, com certeza ele não seria a minha escolha.

      Continue acompanhando o meu Blog e se quiser bater um papo sobre o assunto, continuo à disposição! Forte Abraço. Fabricio Valente.

      1. Perfeito seu comentário. Infelizmente é a realidade das marcas francesas. Comprei o 408thp em 2017 pcd, agora chegando na hora da venda é que mora o problema a desvalorização chega a -25% da tabela fipe, é surreal . Pretendo migrar para os suv, estou em dúvidas entre creta,kicks e captur. Muito coerente seus comentários.

        1. Olá Bruno, obrigado pelo seu feedback e comentário! Infelizmente a sua realidade, é a mesma de muitos dos meus clientes que optaram por comprar 0km, marcas francesas. O mercado é mesmo cruel com os modelos de baixa liquidez. E por esse mesmo motivo, tiraria a Renault Captur do seu leque de opções. Com base nos modelos em que está em dúvida, ficaria entre o Creta e a Kicks, aí você diminui muito o risco de desvalorização do seu novo carro no futuro. Continue acompanhando o nosso Blog. Grande Abraço. Fabricio Valente.

      2. Gostaria de corrigir uma coisa que você disse. Em 2017 até meados de 2018 o Peugeot 2008 era vendido por 49.990. No segundo semestre de 2018 era vendido por 51.990. Sei disso porque estava comprando um PCD. Ou seja, pagou 5 mil a menos. Então não perdeu nada em relação aos outros. Quanto à dificuldade de revenda até concordo com você. Mas onde entra o prazer de ter um carro que realmente gosta? Vale abrir mão disso só por causa da revenda? Só para constar, comprei uma Captur e não trocaria pelos outros. É um carro maravilhoso.

        1. Olá Otávio, obrigado pela sua opinião e pela leitura do nosso artigo. Realmente o prazer de ter um carro que você goste e sinta satisfação em dirigir não tem preço!:) Parabéns pela escolha e muito sucesso com seu carro! Continue acompanhando o nosso Blog. Forte abraço. Fabricio Valente.

  10. Olá .meu marido precisa de um carro PCD., Mas não é o condutor , vai ser eu , será que vamo ter que pagar o IPVA?? Desde já agradeço.

  11. Olá .meu marido precisa de um carro PCD., Mas não é o condutor , vai ser eu , será que vamo ter que pagar o IPVA?? Desde já agradeço.

    1. Olá Maria, obrigado pelo contato. Veja como funciona:
      O deficiente físico que é condutor de automóveis está isento de IPI, IOF, ICMS, IPVA e rodízio municipal.
      Já o portador de necessidades especiais não condutor que tenha deficiência física, visual ou autismo está isento apenas de IPI, e o carro no qual circula, também fica livre do rodízio municipal.
      Os demais benefícios, como o IPVA, não são isentos.
      Espero ter ajudado. Abraços. Fabricio Valente

  12. Bom dia!
    Tenho duas duvidas…
    Iniciei o processo de compra de um veiculo PCD de um Hyundai Creta junto a Receita Federal para isenção de impostos e está em vias de saiu a resposta…agora vai a primeira pergunta:
    Se eu quiser mudar a compra e comprar outro veiculo de uma outra montadora…tenho que fazer todo o processo de isenção novamente?
    E a segunda pergunta
    Vamos fazer a compra do veiculo PCD em nome da minha esposa que é a que tem direito dessa compra…em casa somos em quatro pessoas, conseguiremos colocar o nome das quatro no seguro? Uma vez que minha esposa é a condutora, mas, durante o tratamento ela não pode dirigir e provável que todos fará o uso do veiculo.
    Muito obrigado pela atenção.
    Aguardo
    Renato Machado

    1. Olá Renato, obrigado pelo seu comentário!
      Com relação às suas dúvidas:
      01- Para dar entrada no ICMS, é preciso ter a carta de intenção da montadora escolhida. Caso mude de ideia e queira trocar de montadora com o processo já protocolado, será preciso sim enviar um novo pedido do ICMS para a Receita e o prazo, se iniciará novamente do zero.

      02- Sobre o seguro, na apólice, é preciso informar apenas quem será o condutor principal (a pessoa que vai conduzir o veículo pelo menos, 85% do tempo da semana), os outros 15% do tempo, ficariam liberados para outros condutores eventuais e seria preciso mencionar apenas, caso alguns desses condutores, estiverem na faixa etária entre 18 e 24 anos. Se na situação de vocês, tiver mais que um condutor principal, consideramos sempre o condutor mais jovem, e por ser o de maior risco, libera todos os condutores mais velhos a conduzirem o veículo livremente.

      Se tiver mais alguma dúvida, não hesite em nos contatar. Estamos à disposição! 🙂

      Forte abraço. Fabricio Valente

  13. Boa tarde Fabricio

    Qual a sua opinião sobre a Ecosport 2020 para PCD?

    1. Olá Anderson, obrigado pela sua participação e pela leitura do nosso artigo!
      Não sei se você é de São Paulo, mas para resumir, vou tentar dar a minha opinião sobre o Ford EcoSport, usando uma analogia sobre o futebol daqui.
      Eu vejo a Ecosport como o time do São Paulo atualmente (Sou São Paulino, ok?): Um time muito grande, reinou como campeão absoluto de quase tudo no passado, ainda possui um bom time, mas ultimamente, tem grande dificuldade de se firmar entre os 10 melhores times do Brasil. Para os torcedores, está difícil ter aquele sentimento de orgulho ou até mesmo prestígio, que se tinha nas épocas áureas, e levando isso para o mundo dos carros, o de ter um Ecosport na garagem, acho que a sensação é a mesma!
      Mas o legal do mundo dos carros, é que pelo menos eu topo trocar de carro e de marca, mas de time não…rs
      Então, como o time do São Paulo, entendo que o Ford EcoSport trata-se de um bom carro (SP é um bom time), ainda possui uma grande legião de fãs (SP possui milhões de torcedores, inclusive eu), mas acredito que ainda vai demorar para ambos, exceto se acontecer algo relevante e novo, voltarem a brigar com os outros times e carros, que estão em melhor fase.
      Mas isso pode mudar a qualquer momento, pois mais até que o futebol, o mercado e os consumidores, são os grandes termômetros e as mudanças, acontecem cada vez mais rápidas….
      Em breve, vou atualizar esse artigo para os modelos 2020 e incluir novos modelos como o VW T-Cross, que lançou agora no fim de 2019 sua versão PCD, com muitos opcionais exclusivos, inclusive por enquanto, é o único modelo PCD que vem com 6 airbags e com o valor bem competitivo, dentro do limite dos R$ 70mil. Muitos clientes nossos PCD, já me sinalizaram que optaram por esse modelo e já fizeram o seu pedido. Vejo que esse modelo da VW deve ganhar força agora em 2020, frente aos líderes: Jeep Renegade, Hyundai Creta e Nissan Kicks. Com isso, muita coisa nova deve acontecer e nós aqui, estamos monitorando tudo para trazer as novidades para vocês!
      Espero ter ajudado. Forte abraço. Fabricio Valente!

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Share This